sábado, 2 de março de 2013

Quanto custa a educação do seu filho?



Maurício Price

“Herança do Senhor são os filhos; o fruto do ventre seu galardão.” Salmos 127.3

‘’ Ensina o menino o caminho em que deve andar e mesmo que envelhecer não se desviará dele.’’ Provérbios 22.6

     A criação e a educação dos filhos exige dos pais certamente muita dedicação, disciplina, planejamento e, essencialmente, muito amor. Entretanto, no mundo pós-moderno e capitalista precisa-se também de dinheiro. Aliás, muito dinheiro! Naturalmente todo pai zeloso e toda mãe atenciosa buscam oferecer o que existe de melhor para os seus filhos. Nessa cosmovisão essencialmente humana e material podemos entender que esse esforço e preocupação dos pais em relação aos seus filhos se resume ao oferecimento da melhor educação, das melhores escolas, dos melhores cursos e intercâmbios, das mais conceituadas universidades e  ainda das melhores e mais caras viagens, roupas e brinquedos. E haja dinheiro para tudo isso!
     Segundo uma matéria de grande repercussão na mídia nacional publicada no Jornal O DIA (vide link),  “quem pensa em ter filhos pode se preparar para desembolsar de R$200mil a R$1milhão ao longo dos 21 anos iniciais do herdeiro. Os valores consideram gastos básicos com alimentação, educação, saúde e lazer, dependendo da disposição de investimento e da renda mensal dos pais. No caso de dois filhos, o custo até mesma idade fica acima de R$ 1,7 milhões. Para cuidar de três, R$2,5 milhões. Segundo o responsável pelo estudo, o professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e presidente do Instituto Nacional de Vendas e Trade Marketing (Invent), Adriano Maluf Amui, a família que gasta em torno de R$200 mil com um filho tem renda mensal de até R$ 2 mil. O desembolso de R$1 milhão é de família com renda acima de R$25 mil por mês....Na opinião do educador financeiro e presidente da consultoria DSOP Educação Financeira, Reinaldo Domingos, o ideal é que o custo do filho não ultrapasse 30% da renda média líquida do casal. Do contrário, o padrão de vida pode mudar drasticamente.”

      Preocupa-me sinceramente como pastor, como médico e, principalmente, como pai e esposo em perceber, com toda lucidez e sinceridade, que muitos pais de nossa geração, inclusive dos segmentos religiosos do nosso imenso Brasil, estão muito mal orientados e talvez até perdidos sobre a importância da educação espiritual e moral de seus filhos. Talvez, isso aconteça até mesmo porque esses genitores nunca receberam de maneira sólida e consciente tal educação espiritual oriunda de seus próprios pais. Criou-se então uma “falha” na transmissão desses conhecimentos entre as gerações. Infelizmente, digo que tal “interrupção” tem causado sérios prejuízos na infância e na juventude do nosso país. De qualquer forma, penso que há sempre uma oportunidade de se mudar essa história. Basta querer de verdade. Aliás, nossos filhos merecem o melhor!
       Observo ainda que muitos pais atualmente quase se matam de tanto trabalhar durante a vida inteira para oferecer, segundo pensam, “o melhor” para os seus filhos, acreditando dessa forma que estão no caminho certo. Ledo engano. Fruto dessa visão míope sobre a educação holística de seus filhos, vemos atualmente uma geração de pais ausentes, estressados e sem intimidade nem empatia com seus filhos. É bem verdade que a cultura materialista pós-moderna incita os pais a se preocuparem exclusivamente com os bens meramente materiais de seus filhos,  se esquecendo, todavia,  que a educação espiritual e moral, segundo as normas e princípios das Sagradas Escrituras, são o maior legado que poderão deixar para os seus herdeiros. Aliás,  esse legado espiritual e moral na área do ensino, através dos conselho e principalmente através do exemplo de vida certamente deixarão profundas marcas espirituais nos filhos que terão consequências nessa vida e por toda a eternidade. Pense nisso.
         Assim sendo, exorto com muito amor e carinho a todos os pais, que de maneira visionária e consciente, venham a investir profundamente na vida espiritual e moral de seus filhos, que são a herança do Senhor em suas vidas. Recomendo ainda aos estimados pais que se lembrem que o maior legado que deixarão no caráter de seus herdeiros serão a sua fé, a sua obediência ao Senhor Deus e a sua identidade com Jesus Cristo. Aliás, “não devem os filhos entesourar para os pais, mas os pais para os filhos.” 2 Co 12.14. Ele espera por você !     

 “Em Deus faremos proezas”   

No amor de Cristo,
Mauricio Price.  www.mauricioprice.com.br

Pastor da Igreja Assembléia de Deus. Presidente do Diretório Estadual no Rio de Janeiro e Conselheiro Nacional da Sociedade Bíblica do Brasil. Membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil. Médico pós-graduado. Escritor, conferencista e radialista


Um comentário:

cantinho da Ione disse...

Olá Boa Tarde!!!
O blog "Cantinho da Ione" está oferecendo um lindo selinho à todos, pelo aniversário de minha cidade "Rio de Janeiro" que completou 1º de março - 446 anos de muitas conquistas,entre neste link para pegá-lo:
http://gospelcantinhodaione.blogspot.com.br/2013/03/selino-carioca.html.

Gostaria também de aproveitar e convidar Você à dar um voto na minha Poesia,ao lado esquerdo do site na enquete no nome(Ione Viana) é só entrar neste link: http://www.riosul2012.com/2013/02/a-primeira-mulher-ione-viana.html é uma gincana em homenagem ao dia Internacional da Mulher.Desde já agradeço o seu carinho e a sua atenção!!!
Fique com Deus!!!
grande abraço!!!
Ione Viana