sexta-feira, 23 de setembro de 2011

A Grande Noite Matricial versus O Amanhecer




Você já teve a sensação ‘matrixial’ de estar
Sempre preso a um pesadelo?
A cada acordar, após cada sorriso,
No centro sutil de cada uma de suas lágrimas?

Eu estou preso a um mesmo e multifacetado pesadelo.
Um dia, ainda num ventre, após meu incipiente cérebro
Atingir determinado número de neurônios,
E estabelecer um limite operacional mínimo
De conexões entre eles,
Eu tive meu primeiro e único sonho.
Era um pesadelo.
Nele, um alguém-entidade,
Meio pó, meio pai, nominado Adão
Me matou.

Estamos todos presos dentro de um pesadelo,
O primeiro, o mesmo e o único de cada um de nós.
Um omnipesadelo do qual Cristo
É nossa única incontornável possibilidade de DESPERTAR.


Sammis Reachers

2 comentários:

Nágila Souza disse...

Muito interessante esse texto, nos faz rever muitas coisas em nossas vidas e continuar crendo que so Deus pode mudar a nossa situação.
Paz do Senhor
Seguindo *-*

Sammis Reachers disse...

Olá minha irmã, obrigado pela visita e por nos seguir. Já estou seguindo seu blog também.

Deus lhe abençoe!