sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Por um fio, Conto de Florbela Ribeiro


Submersa num revolto mar de silêncios, permanecia a fatídica onda que a lançou naquela vida. Com os olhares do povo cravados nas costas, deslizava pelas ruas da cidade de Jericó com o rosto escondido por uma burka negra. Todos sabiam quem ela era, e principalmente o que fazia.

Durante muito tempo agonizou, pela facada traiçoeira do destino. Chorou amargamente a dor do infortúnio que arrombara a sua porta, lançando-a na lama juntamente com o nome do seu pai. Mas toda a família permanecia unida, sofrendo com ela e por ela.

Ao contrário da sua inocência, os laços do amor que os unia, mantinham-se intactos.

- Minha filha, que adianta passares o resto da tua vida aqui a chorar? Não foi já o leite derramado? – Sua mãe tentava, desesperadamente, faze-la reagir, ao mesmo tempo que lhe ocultava o coração desfeito pela dor.

A sua menina não morrera por um fio, tamanho fora o desgosto que se abatera sobre a sua alma.
Siza, sua mãe tinha razão. O mal já havia sido feito. Era agora a hora de levantar a cabeça e seguir em frente.

Para isso ela precisava de se despojar do passado, e entrega-lo nas mãos de Deus.
Resolveu então esperar pela justiça Divina, e afastou do seu coração o desejo de vingança.
A justiça de Deus poderia tardar, mas falhar nunca!
Essa certeza morava no seu peito e dava-lhe alento para seguir em frente.
Uma força impulsionadora, mas desconhecida não lhe permitia baixar os braços.
Os dados da vida estavam agora lançados.


Ler na íntegra no Portal Evangélico da AEP

2 comentários:

J.T.Parreira disse...

Trata-se de uma escritora evangélica da Assembleia de Deus(ainda sem obra editada), que se dedicou a rebuscar nas figuras femininas, sobretudo do Velho Testamento, o interior do Feminino e a trazer essa vivência, esses sentimentos, as tristezas e as alegrias próprias da Mulher em todos os tempos, tudo isso submetido a uma estética ficcional e poética (escrita criativa) e ao rigor do texto bíblico.

Apaixonado disse...

Sou demasiado céptico sobre tudo o que se relaciona com religião, mas a autora conseguiu não só captar a minha atenção mas tb aguçar a minha curiosidade.
Estou encantado com a prosa, e fascinado pela autora!

Aproveito para questionar: Para quando o lançamento do seu 1º livro?

DAVID